Pet

CRUZAMENTO ENTRE CACHORROS IRMÃOS: Entenda os riscos e cuidados no caso de cruzamento entre irmãos

Essa preocupação é válida, pois o acasalamento entre cães irmãos, seja da mesma ninhada ou de ninhadas diferentes, pode levar ao nascimento de filhotes com deformidades ou anormalidades genéticas.

Imagem do autor
Cadastrado por

Lorena Lins

Publicado em 09/12/2023 às 23:02
Notícia
X

É bastante comum que donos de animais de estimação, especialmente aqueles que possuem cães da mesma ninhada, considerem a possibilidade de expandir a família pet.

Neste contexto, surge a dúvida se é seguro para cães irmãos acasalarem, especialmente devido às preocupações sobre a saúde dos filhotes resultantes.

Essa preocupação é válida, pois o acasalamento entre cães irmãos, seja da mesma ninhada ou de ninhadas diferentes, pode levar ao nascimento de filhotes com deformidades ou anormalidades genéticas. 

Quais são os Riscos do Cruzamento entre Irmãos Caninos?

Não apenas entre cães irmãos, mas em todos os casos onde há parentesco e cruzamento, há o risco de nascimento de filhotes com problemas relacionados à consanguinidade ou endogamia.

Quanto mais próximos geneticamente estiverem os cães, maior é a probabilidade de doenças genéticas nos filhotes.

Os filhotes resultantes do cruzamento de cães irmãos podem nascer com baixo peso e ter uma taxa de sobrevivência reduzida.

Além disso, mesmo que nasçam saudáveis, esses pets podem enfrentar problemas no futuro, como câncer, doenças autoimunes e baixa fertilidade.

A Consanguinidade Pode ser Benéfica?

Embora seja recomendável evitar o cruzamento entre pets parentes, há exceções em que cães irmãos podem cruzar.

Isso geralmente é feito por criadores que buscam preservar ou realçar características específicas de uma raça.

Nesses casos, animais com temperamentos ou qualidades físicas desejáveis são selecionados para reprodução, seja natural ou por inseminação artificial.

Em qualquer reprodução deste tipo seja supervisionada por um veterinário, que realizará exames e testes necessários para evitar a perpetuação de doenças graves. A assistência de um especialista em reprodução também é fundamental.

Como Avaliar a Viabilidade do Cruzamento entre Irmãos

O cruzamento entre cães irmãos só deve ser considerado após a análise do coeficiente de endogamia (COI), que calcula a probabilidade de doenças genéticas nos filhotes.

Para isso, é necessário que os cães tenham documentação de sua ancestralidade, como o pedigree, e a avaliação de um profissional qualificado.

É Seguro Permitir que Cães Irmãos Cruzem?

Embora seja possível em alguns casos, geralmente não é recomendado que cães irmãos cruzem sem o acompanhamento de um veterinário especialista em reprodução.

É preciso realizar cálculos preventivos para doenças genéticas e garantir cuidados especiais durante a gestação, nascimento e acompanhamento dos filhotes.

Fonte: Perito animal.

Cuidados Durante a Gestação e com os Filhotes

A gestação canina deve incluir pelo menos um ultrassom para avaliar a saúde e o número de filhotes. O veterinário pode recomendar mudanças na alimentação e uso de suplementos.

Os filhotes devem ser monitorados quanto ao ganho de peso e desenvolvimento. Qualquer anormalidade na mãe ou nos filhotes deve ser avaliada por um veterinário.

Prevenindo o Cruzamento entre Irmãos Caninos

Para evitar o cruzamento entre irmãos ou parentes próximos, é essencial separar os cães quando a fêmea estiver no cio.

A castração é a melhor forma de prevenir gestações indesejadas e também traz benefícios à saúde dos animais.

Confira também:

Tags

Autor